Os outros 50%.

(by Flips)
Passamos grande parte de nosso tempo nos aprimorando e desenvolvendo o nosso work-flow de trabalho. Depois de um tempo, dá pra perceber que o que somos bons devemos ficar melhores ainda e o que nos atrapalha, ou aprendemos ou tiramos de nossa responsabilidade. A parte mais fácil é tirar de nossa alçada o que não gostamos de fazer e o que não queremos fazer. A mais dificil é aprender, mas sempre parti do princípio de que se alguém faz é possível de eu mesmo fazer – de repente não vou ser tão rápido, ou o acabamento não será tão bom, mas, se eu estudar e treinar, terei pelo menos um bom trabalho enquanto a parte que sei fazer será excelente.
Isso na realidade profissional individual, mas e quanto a realidade de empresas?
Por mais que você terceirize e consiga bons resultados em seu projeto, isso não quer dizer que tudo vai dar certo – a gente ainda depende do outro lado da moeda. O cliente tem a responsabilidade dos outros 50% de sucesso que, muitas vezes se resume a uma palavra mágica: implementação. O plano tem detalhes, mas imagina quantos detalhes não tem a montagem de um estande? Promotoras, materiais gráficos, aplicação do plotter… Enfim, nada funciona se a outra parte não estiver tão profissionalmente organizada para receber o serviço.
Assim, muitas vezes, temos que transcender o escopo de nossos serviços para fazer tudo dar certo – não é o ideal, mas para que tudo dê certo, às vezes temos que assumir os outros 50%.


  • Share/Bookmark
You can leave a response, or trackback from your own site.

11 Responses to “Os outros 50%.”

  1. Armando disse:

luis disse:

Salvador disse:

Clarence disse:

Angelo disse:

Zachary disse:

Manuel disse:

Barry disse:

douglas disse:

Powered by WordPress | Baixado em: Meu Tema | See the Latest Cell Phone Deals at Bestincellphones.com. | Thanks to Bank CD Rates, Credit Cards and Binaural beats